Nas últimas décadas, empresas se tornaram cada vez mais conscientes sobre a necessidade de utilizar estrategicamente ativos de dados para tirar proveito de oportunidades de mercado. Seja ao executar análise competitiva ou ao compreender padrões operacionais, muitas organizações entendem agora que eles podem se beneficiar de uma estratégia de dados como uma maneira de se manter à frente da concorrência.

Este white paper fornece uma estrutura para aumentar o retorno sobre investimento relacionado ao Power BI, pois as empresas procuram ter cada vez mais conhecimento de dados.

Praticantes do Business Intelligence geralmente definem empresas com conhecimento de dados como aquelas que se beneficiam do uso das informações reais para dar suporte à tomada de decisões. Até mesmo descrevemos determinadas organizações como tendo uma "cultura de dados". Seja no nível organizacional ou no nível departamental, uma cultura de dados pode alterar positivamente a capacidade da empresa de se adaptar e prosperar. Informações de dados não devem ser sempre de escopo de empresa para ter longo alcance: pequenas informações operacionais que podem alterar operações diárias também pode ser transformacionais.

Para essas empresas, há um entendimento de que fatos – e análise de fatos – devem direcionar como os processos de negócios são definidos. Os membros da equipe tentam buscar dados, identificar padrões e compartilhar descobertas com outras pessoas.

Essa abordagem pode ser útil independentemente de se a análise é feita por meio de fatores comerciais externos ou internos. Ela é primeiramente uma perspectiva e não um processo.

Leia Abordagens de Implantação e Governança do Power BI para saber mais sobre conceitos, opções e sugestões para governança no ecossistema do Power BI.